Categorías
Todo sobre el embarazo

Probióticos: benefícios e como consumir

O que são probióticos? Os probióticos são microorganismos vivos benéficos à saúde, que agem favorecendo a presença de bactérias boas no nosso organismo e diminuem a concentração de bactérias ruins (patogênicas e putrefativas) e micro-organismos indesejáveis.

O que são probióticos?

Os probióticos são microorganismos vivos benéficos à saúde, que agem favorecendo a presença de bactérias boas no nosso organismo e diminuem a concentração de bactérias ruins (patogênicas e putrefativas) e micro-organismos indesejáveis.

Benefícios dos probióticos

De acordo com o nutrólogo Alisson Melo, especialista da clínica Benessere, o trato gastrointestinal é colonizado por uma gama enorme de bactérias, algumas ruins, mas em maioria benéficas e fundamentais para o bom funcionamento intestinal.

As principais formas de bactérias benéficas que colonizam o intestino delgado são chamadas de lactobacilos. Eles têm alguns benefícios como:

  • Criam uma camada protetora entre parede intestinal e bolo alimentar, inibindo a colonização intestinal por bactérias ruins (nocivas)
  • Ajudam a inibir a redução do pH intestinal
  • Diminuem a competição por nutrientes pelas bactérias nocivas
  • Aumentam a produção de anticorpos intestinais
  • Ajudam na desintoxicação de metais pesados e outras toxinas
  • Auxiliam na produção de vitaminas do complexo B
  • Ajudam na digestão da lactose.

Probióticos no combate à doenças

Assim, os probióticos são microorganismos que ajudam no combate à doenças como, por exemplo:

  • Ajudam a prevenir diarréias ou torná-las mais rápidas e brandas
  • Diminuem a intolerância à lactose, favorecendo a conversão de lactose em ácido láctico
  • Reforçam o sistema imunológico
  • Ajudam na prevenção do câncer de cólon
  • Ajudam na melhora dos sintomas das doenças inflamatórias intestinais como Crohn, Retocolite Ulcerativa e ainda na Síndrome do Intestino Irritável
  • Ajuda a melhorar as alergias alimentares
  • Ajuda a reduzir os níveis de colesterol
  • Ajuda a reduzir a incidência de candidíase vaginal e infecções urinárias de repetição.

«Se usado durante a gravidez, parece reduzir a incidência de eczema atópico e outras doenças alérgicas à criança, além de reduzir a intensidade e duração de cólicas em recém-nascidos», pondera o nutrólogo Elifas Rodrigues, da clínica Benessere.

Alimentos probióticos

Alguns dos alimentos que possuem probióticos são:

  • Missô
  • Queijos
  • Iogurte
  • Kefir
  • Chucrute
  • Kombucha
  • Picles
  • Azeitonas curadas
  • Kimchi
  • Vinagre de maçã
  • Shoyu
  • Coalhada.

Como consumir

Segundo a nutricionista Myriam Deborah Orenstein, há duas formas de consumir probióticos: por meio dos alimentos como citado acima ou a partir de suplementos em cápsulas ou sachês, que podem ser diluídos em água ou sucos naturais.

«É indicado consumir alimentos com probióticos naturais consumir pelo menos uma vez ao dia. Já no caso dos suplementos, recomendo tomar 30 minutos antes ou depois do café da manhã», ressalta a especialista.

Qual a diferença de prebiótico e probiótico?

Os prebióticos são fibras que servem de ‘alimentos’ para os probióticos, favorecendo a sua sobrevivência e proliferação no intestino. Já os probióticos são as bactérias benéficas que povoam o intestino.

Referências

  • Nutricionista, Myriam Deborah Orenstein – CRN: 85100323
  • Nutrólogo, Alisson Melo, fundador da clínica Benessere – CRM: 125.761-SP
  • Nutrólogo, Elifas Rodrigues, fundador da clínica Benessere – CRM: 143.152-SP

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *