Categorías
Todo sobre el embarazo

Abacaxi: 16 benefícios e receitas para incluí-lo na dieta

O abacaxi, também conhecido como ananás, além de ser delicioso ainda é rico em diversos nutrientes. Consumido in natura, em sucos ou em sobremesas, na quantidade certa ele pode oferecer inúmeros benefícios para a saúde.

O abacaxi, também conhecido como ananás, além de ser delicioso ainda é rico em diversos nutrientes. Consumido in natura, em sucos ou em sobremesas, na quantidade certa ele pode oferecer inúmeros benefícios para a saúde.

Seu alto valor nutritivo pela presença de sais minerais e vitaminas é um dos destaques da fruta. Confira as informações nutricionais do abacaxi:

Informações nutricionais do Abacaxi

Componentes
Quantidade (100 gramas)
Glicídio
13,7
Proteínas
0,40g
Lipídios
0,20g
Cálcio
18m
Ferro
0,50mg
Fósforo
8mg
Fibras
0,95g
Niacina
0,82mg
Ácido ascórbico
27,20m
Tiamina
80mcg
Riboflavina
128mcg
Retinol
5mcg
Calorias
52kcal

Benefícios do Abacaxi

Por conter um alto valor nutritivo, o Abacaxi é capaz de proporcionar diversos benefícios para a saúde:

  • Ajuda no emagrecimento: por conter bastante água, o abacaxi é um excelente diurético e, consequentemente, um bom aliado para o corpo, ajudando a diminuir a retenção de líquido. O consumo do abacaxi diminui a vontade de comer doces, por isso é muito indicado para quem deseja perder peso. «Se você procura emagrecer, recomenda-se consumir 2 fatias de abacaxi com canela em pó pela manhã», recomenda o nutrólogo Fernando Cerqueira.
  • Previne gripes, tosses e resfriados: Além das vitaminas A e C que aumentam a imunidade, a presença da bromelina é responsável por facilitar a expectoração. «A enzima tem ação mucolítica, que dissolve o muco ou catarro dos pulmões, favorecendo uma limpeza geral e facilitando a expectoração», afirma a nutricionista Rucielli Frohlich. De acordo com a nutricionista, ele também é indicado para pacientes que têm sinusite ou tosses crônicas.
  • Auxilia na recuperação do corpo após a prática de exercícios: o potássio possui papel fundamental no equilíbrio de eletrólitos do organismo, na contração muscular e cardíaca, melhorando o desempenho e evitando a fadiga de esportistas. De acordo com o nutricionista Breno Lozi, em apenas 100 gramas da fruta (equivalente a uma fatia), 5% das quantidades diárias recomendadas são supridas. Já a bromelina, possui efeitos anti-inflamatórios que reduzem inchaços e dores musculares recorrentes após os treinos, otimizando o tempo de recuperação muscular.
  • Aliado das unhas, pele e cabelos: A bromelina suaviza a pele e tem sido usada para combater inflamações como a acne. O abacaxi é um poderoso antioxidante que combate os danos dos radicais livres melhorando assim cabelos, pele e unhas. «É um excelente remédio caseiro para pele com lesões e para reduzir manchas de idade já que contém enzimas que compõem a elasticidade da pele», afirma o nutricionista Breno Lozi. Ele recomenda comer uma fatia (100 g) de três a quatro vezes por semana (sucos, porção da fruta, assado, gelatinas, bolos, compotas e iogurtes).
  • Ajuda a preservar a memória: «As substâncias presentes na fruta atuam diretamente nos nossos neurotransmissores, promovendo a melhora da renovação celular, preservando a memória e prevenindo doenças neuro-degenerativas como o ?Alzheimer», explica o nutrólogo Fernando Cerqueira.
  • Pode ser consumido durante a gravidez: De acordo com Cerqueira, abacaxi também pode ser consumido por mulheres grávidas e oferece inúmeras vantagens para ela. Entretanto, é preciso consumi-lo com atenção para não agravar os quadros de acidez estomacal. A função adstringente da fruta é responsável por amenizar os inchaços, as dores, enjoos e a prisão de ventre.
  • Auxilia no controle do colesterol e triglicérides: A fruta é um ótimo remédio natural para diminuir os níveis de colesterol, pois ajuda a normalizar esta dislipidemia no sangue por ser rico em fibras solúveis que melhoram o trânsito intestinal e diminuem a captação do colesterol proveniente da alimentação. «Além disso, por possuir fibras solúveis que ajudam a diminuir a concentração de gordura na corrente sanguínea, contribui para baixar os valores de triglicerídeos no sangue», explica o nutricionista Thiago Salla.

  • Melhora o sistema imunológico: Segundo Lozi, uma fatia 100 gramas de abacaxi fornece 80% das necessidades diárias de vitamina C. Essa vitamina é fundamental para o bom funcionamento do sistema imunológico, prevenindo contra gripes, resfriados, doenças cardíacas e auxiliando no funcionamento das células brancas do sangue, que são as principais células de defesa do nosso organismo. Além disso, a vitamina C é um potente antioxidante, que combate os radicais livres internos e externos ao organismo, doenças como aterosclerose e câncer.
  • Controla a coagulação sanguínea: O nutricionista Breno Lozi afirma que alguns estudos científicos demonstram que a bromelina possui efeitos na coagulação do sangue, auxiliando na sua redução. A bromelina possui alto peso molecular capaz de ser absorvida pelo trato gastrointestinal produzindo ações anti-inflamatórias e antiexsudativa, podendo apresentar efeitos anticoagulantes e inibição da agregação plaquetária. Alivia os sintomas de angina e, por isso, inibe a coagulação do sangue e construção e remove placas nas artérias, o que é útil para a trombose, tromboflebite, varizes e aterosclerose.
  • Previne o envelhecimento celular: Lozi explica que com boa quantidade de vitamina A, o abacaxi consegue auxiliar a combater os efeitos do envelhecimento devido sua ação antioxidante que combate os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento da pele e das células.

Já as vitaminas do complexo B são capazes de auxiliar nos movimentos funcionais para aqueles que possuem dificuldade em se locomover. ?Além disso, a vitamina C fortalece o sistema imunológico, auxilia na cicatrização dos tecidos e também na absorção de ferro e possuem ácido ferúlico, potente antioxidante que atua na prevenção do envelhecimento celular precoce?, complementa Breno.

  • Protege a visão: Devido aos altos índices de betacaroteno e vitamina A, o abacaxi é um ótimo amigo da saúde ocular. «Além disso, alguns estudos apontam que seu consumo impede a degeneração macular e reduz o risco de perda da visão na velhice», afirma a nutricionista Rucielli.
  • Tem substâncias capazes de prevenir a asma: A nutricionista Rucielli explica que presença do betacaroteno, um dos compostos oxidantes presentes na fruta, é essencial para a prevenção da asma. «O consumo regular do abacaxi pode ajudar a retardar o desenvolvimento da doença», complementa ela.
  • Melhora as condições do trato digestivo: Segundo Rucielli, a bromelina age no estômago desdobrando as proteínas alimentares, facilitando o melhor aproveitamento dos nutrientes, favorecendo e acelerando a digestão pesada. Devido ao alto teor de fibras, ajuda a prevenir a constipação e promove a regularidade intestinal.
  • Ótimo aliado da saúde bucal: Rucielli também explica que o abacaxi não é um clareador natural dos dentes como dizem por aí. Mas por outro lado, seu consumo previne as placas bacterianas, reduz o risco de doenças periodontais e também de gengivite. ?Isso porque, a vitamina C presente na fruta é essencial para a boa saúde dos dentes, gengivas e ossos?, complementa.
  • Contém iodo, que reduz câimbras e regula a tireóide: Ainda de acordo com Rucielli, um dos fatores agravantes da câimbra é a deficiência de iodo no organismo. ?Por conter bons níveis de iodo em sua composição, o consumo regular do abacaxi é recomendado para reduzir as câimbras?, ela afirma. Além disso, o iodo em conjunto com a bromelina, são indispensáveis para o equilíbrio da glândula tireóide.

Como comer abacaxi

Salla sugere que em relação ao paladar, o abacaxi, por ser uma fruta ácida combina com outras frutas da mesma categoria, em uma salada de frutas por exemplo, ou utilizado em saladas de vegetais verdes-escuros, além dos sucos detox.

Sob o ponto de vista nutricional as boas combinações incluem também os vegetais verde-escuros pelo fato do abacaxi ser uma boa fonte de Vitamina C e esta ter a função de auxiliar na absorção do ferro. O abacaxi também pode ser inserido em sobremesas após refeições contendo carnes, pois a bromelina ajudará na digestão das proteínas.

Consumo da casca do abacaxi

A casca também pode, e deve, ser consumida. Além da polpa da fruta, a casca do abacaxi também pode ser consumida e possui muitos benefícios. O nutrólogo, Fernando Cerqueira, sugere que ela seja ingerida em forma de chá e afirma que possui grandes fontes de vitaminas importantes. Uma das principais é a vitamina C, já conhecida por prevenir a gripe, mas também por ajudar a manter os níveis de colesterol sob controle.

Receitas com abacaxi

Receita de gelado de abacaxi com farinha de maracujá

  • Gelado de abacaxi com farinha de maracujá
  • Surpresa de abacaxi gelado com gengibre
  • Shake de abacaxi light
  • Suchá termogênico com abacaxi, gengibre e hortelã

Contraindicações

O nutricionista Thiago Salla e o nutrólogo Fernando Cerqueira, apontam que há algumas contra indicações relacionadas ao consumo do abacaxi, que devemos ficar atentos. Os pacientes com Gota, artrite reumatóide e úlceras pépticas devem consultar o médico ou nutricionista antes de consumir a fruta para que sejam orientados em relação a quantidade que pode ser ingerida sem riscos à saúde. Além disso, pessoas que fazem uso de medicamentos anticoagulantes devem evitar o consumo em excesso e fazer acompanhamento médico.

Ao contrário do que se pensa, quem sofre de gastrite pode sim consumir a fruta, desde que evite os excessos. O recomendado pelo nutricionista Thiago Salla é que, seu consumo não seja feito isoladamente, e sim em conjunto com alimentos como castanhas, sementes ou vegetais, pois estes minimizam os efeitos da acidez no sistema digestório.

Referências

Breno da Silva Lozi, nutricionista pós-graduado em Nutrição Clínica e Desportiva pelo Instituto Educacional São Pedro (IESPe) – Juiz de Fora/MG

Patricia Bertolucci, nutricionista formada pela Universidade Federal de Goiás. Desenvolveu trabalho no São Paulo Futebol Clube, onde juntamente com a comissão técnica da ocasião, na qual se destacava o preparador físico Moracy Santana, implantou novos conceitos na alimentação de atletas brasileiros.

Thiago Salla, nutricionista graduado em pelo Centro Universitário São Camilo. Pós-graduação lato-sensu em Fisiologia do Exercício (CEFE-Unifesp); Pós-graduação lato-sensu em Nutrição esportiva e Estética com Ênfase em Wellness (Centro Universitário São Camilo)

Rucielli M. Frohlich, nutricionista formada pela PUC-RS, é responsável pelo Programa de Emagrecimento e reeducação alimentar, Mente Magra, com atuação em todo o Brasil.

Fernando Cerqueira, nutrólogo proprietário da clínica FC e especializado em emagrecimento, ganho de massa muscular e longevidade. Criador do desafio da dieta de 28 dias

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *